• Facebook

Fórum de Pesquisa em Arte

Os Fóruns de Pesquisa em Arte, realizados pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná, reúnem ano a ano pesquisadores das mais diversas instituições de ensino do país. É gratificante para os organizadores do evento receber estudiosos de universidades de estados, como tem acontecido.

São representados estabelecimentos como a UFG, UNB, UNIRIO, UFRJ, USP, UNESP, PUC­SP, UNICAMP, UFSC, UFSC, UDESC, UNIVILLE, UNIVALI,UFRGS, EMBAP, UFPR, FAP, PUCPR, TUIUTI, CEFET­PR/UTFPR, UEPG,UEL e UEM, entre outras. Participaram de algumas edições pesquisadores da Universidade de Lisboa,  Portugal, e da Florida State University, Estados Unidos, o que demonstra o alcance e a importância do Fórum em questão.

O evento, cada vez mais, tem demonstrado uma concepção aberta, inicialmente multidisciplinar, para tornar­-se, então, interdisciplinar: além de artistas, críticos de arte e educadores, é crescente a participação de historiadores, sociólogos, antropólogos e de pesquisadores oriundos de outras  disciplinas. Essa interação tem permitido um alargamento dos horizontes de investigação e de compreensão das inúmeras manifestações artísticas abordadas.

Uma das principais características do evento é buscar enriquecer o diálogo não apenas entre os estudiosos de uma mesma linguagem artística, mas essencialmente a interação entre as várias manifestações de arte entre si e nas suas interfaces com questões políticas, culturais, históricas, sociais e antropológicas. Isso se mostrou extremamente frutífero e revelador. Pretende-­se, assim, estimular novos posicionamentos e novas linhas de pesquisa que explorem essas relações e realizar, na prática, a tão discutida e pouco experimentada interdisciplinaridade, na qual a construção do saber deixa de dar-­se nos mundos estanques e limitados das diversas disciplinas, para ocorrer nas suas próprias fronteiras, nas regiões em que elas podem e devem conversar e interagir: um novo espaço de construção do conhecimento dinâmico e ágil. Entende­-se, nesse contexto, que o universo da arte é um universo social, histórico e antropológico, político e econômico, psicológico e semântico, construído a partir de realidades de tempo e lugar, que apenas pode ser compreendido se forem levadas em conta todas essas dimensões. 


Almeja­se, com a realização do FÓRUM DE PESQUISA EM ARTE, contribuir para a construção de uma história social da arte local e nacional dialógica, de uma crítica consolidada e de um entendimento de que a complementaridade é rica e fascinante. É compartilhando que se recebe, é abrindo-­se para o novo que o conhecimento encontra novos caminhos e se amplia.

Os trabalhos inscritos possibilitam a criação de mesas temáticas instigantes, que abrangem desde questões de estética, filosofia, psicologia, psicanálise, sociologia e antropologia, até questões específicas referentes às diversas linguagens artísticas: artes visuais, teatro, literatura e a dança. Tudo isso com vieses que perpassam a crítica, a política, as políticas públicas culturais, e toda a gama que vai do popular e do erudito. É interessante observar que o cotidiano e a rua, no evento, estão tão ou mais presentes que a galeria e o museu, o que se mostra um dado extremamente relevante e revelador tanto dos movimentos da atualidade quanto da abertura da academia para estas questões.

Com a realização do Fórum de Pesquisa em Arte e com a disponibilização por meio eletrônico dos Anais do evento, a comunidade acadêmica e os demais interessados têm à sua disposição algumas das mais recentes e investigações realizadas no campo do saber artístico brasileiro.

Recomendar esta página via e-mail: